Há milagres no Islamismo?

Os muçulmanos utilizam a Sura 6.35 para dizer que Maomé podia operar milagres: “Uma vez que o desdém dos  incrédulos te penaliza, vê: mesmo que pudesses penetrar por um túnel na terra ou ascender até ao céu para apresentar-lhes um sinal (ainda assim não farias com que cresse)”. O bom leitor percebe logo que isso é hipotético: “Mesmo que pudesses…” O texto não diz que Maomé fosse capaz de fazê-lo. Maomé se recusou a fazer milagres quando foi desafiado a fazê-los (Sura 3.181-84).

Existe, no entanto, afirmações de milagres posteriores realizados por Maomé na Hadith (tradições), quais sejam: fornecer água para dez mil soldados; transformar água em leite; árvores, lobos e montanhas saúdem Maomé; alimentar homens com a pequena refeição de uma mulher, transformar um ramo de árvore numa espada de aço. Só que há muitos indícios de que esses milagres sejam lendários e não históricos.

Nenhum desses relatos é contemporâneo, a grande parte deles foi feita de cem a duzentos anos após os fatos. Bukhari, o coletor mais confiável, admitiu que, das trezentas mil histórias do Hadith, possivelmente sejam verdadeiras menos de dez mil. Ainda assim, não existe consenso entre os muçulmanos em relação as quais das histórias são verdadeiras.

Essas histórias seguem o mesmo padrão lendário dos apócrifos de Cristo que surgiram de um ou dois séculos após a sua morte. Muitos desses milagres carregam uma similaridade (enfeitada) com os milagres de Jesus narrados nos Evangelhos.  Yusuf Ali, estudioso muçulmano e tradutor do Alcorão, admitiu que Maomé não operou nenhum milagre no sentido de quebrar as leis da natureza.

O Alcorão

Muitos muçulmanos afirmam que o maior milagre de Maomé é o próprio Alcorão. Eles dizem que uma pessoa sem instrução como Maomé não poderia ter produzido uma obra tão refinada.  Na verdade Maomé não escreveu o Alcorão. O Alcorão foi escrito por outras pessoas e editado por Uthman, o terceiro califa, após a morte de Maomé. Alguns críticos têm mostrado que o Alcorão não é uma obra prima literária, pois possui vários erros gramaticais. Além do mais uma mentira pode ser colocada de uma maneira bonita  e a verdade ser expressa de uma maneira feia.

Referência

Respostas aos Céticos. Norman L. Geisler e Ronald M Brooks

Anúncios

7 comentários sobre “Há milagres no Islamismo?

    • Segundo a tradição, em 610, Maomé recebeu a primeira revelação do anjo Gabriel, quando tinha 40 anos. A partir de então e até sua morte, recebeu uma série de revelações, mas eram dadas na forma de visões, durante estados de êxtase. As revelações orais eram decoradas e porções eram escritas pelos companheiros de Maomé; mas foi apenas depois de sua morte que o material foi compilado na forma de um livro.
      Fonte: Teologia Sistemática. Franklin Ferreira & Alan Myatt

      Curtido por 1 pessoa

      • Hmmm, obrigado. Diante disso, certamente eles não têm uma análise fundamentada historicamente que combate se de fato Maome só teve sonhos após o almoço.
        Grato pela postagem e pelo retorno do comentário.

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s