Encenação de Ritual de Sacrífico Humano no CERN é Flagrada em Vídeo

Será que não era devaneio do Papa Francisco o medo dos cientistas conseguirem abrir as portas do inferno? Mas e se essa for a intenção, como ele tinha obtido essas informações?

https://exateus.com/2015/05/26/papa-francisco-esta-com-medo-de-cientistas-conseguirem-abrir-as-portas-do-inferno/

______

Surgiu um vídeo online de uma estranha cerimônia ocorrida no CERN, onde indivíduos encapuzados, reunidos em torno da estátua de Shiva, encenaram um ritual “esfaqueando” uma mulher vestida de branco.
O vídeo, filmado de um edifício próximo, mostra vários indivíduos vestidos com capuzes negros, que entram pela entrada principal do laboratório de física mais top do mundo, participando de um ritual oculto, que culmina no esfaqueamento de uma mulher como em  um “sacrifício humano”.
Aqui está o vídeo.
O ritual aconteceu na frente da estátua de Shiva.

 Esta estátua do deus hindu Shiva fica na entrada do CERN, onde o Grande 
Colisor de Hádrons foi recentemente reativado. Shiva também é conhecido como 
“O Destruídor” – o seu dever é o de “destruir mundos no final da criação e 
dissolvê-los em nada”. Essa é uma adição estranha para um lugar científico.

Pouco antes do relançamento do Grande Colisor de Hádrons, o CERN lançou um vídeo bizarro intitulado “Dance of Destruction” (Dança de Destruição) que deu ao evento científico um contexto sombrio e ritualístico (o vídeo também apresenta alguém vestido de preto “sacrificando” alguém vestido de branco).


No início deste ano, a Suíça organizou outro ritual oculto maciço: A cerimônia de abertura do túnel Gotthard na Suíça (leia o artigo sobre isso aqui).

A cerimônia culminou com a adoração em massa de um homem-bode.

Um porta-voz do CERN confirmou na quarta-feira que uma investigação foi conduzida após o lançamento do vídeo filmado durante a noite em seu campus de Genebra. Em um e-mail enviado à AFP, o porta-voz escreveu:

Essas cenas foram filmadas nas nossas instalações, mas sem permissão ou conhecimento oficial. O CERN não tolera esse tipo de brincadeira, o que pode gerar mal-entendidos sobre a natureza científica do nosso trabalho. A “investigação” em curso foi um “assunto interno”.

– Mail Online, ‘Human sacrifice’ ceremony at Geneva’s CERN laboratory – involving cloaked men ‘stabbing a woman’ at night – is investigated by chiefs at world-famous science centre

O porta-voz no entanto confirmou que a área onde a cerimônia aconteceu era altamente segura e que as pessoas no vídeo provavelmente tinham crachás do CERN.

 
“Os crachás do CERN são sistematicamente controlados em cada entrada do CERN, seja de dia ou de noite. O CERN recebe todos os anos milhares de usuários científicos de todo o mundo e, por vezes, alguns deles deixam seu humor ir longe demais. Isso é o que aconteceu nessa ocasião”.
 
 – Ibid.
 

Embora alguns afirmem que o vídeo é “fake”, “pegadinha” e um produto de jovens fazendo “trollagem”, não se pode negar estes fatos: (1) O ritual realmente aconteceu (2) à noite (3) em uma área altamente segura no CERN (4) por pessoas que tinham crachás do CERN (5) que tiveram o trabalho de arrumar as roupas necessárias (6) e encenar essa cerimônia. Por que alguém estaria filmando aleatoriamente a entrada do CERN antes de tudo isso acontecer? Isso é algo para se pensar também.

Não importa quais sejam as verdadeiras intenções por trás desse ritual, o resultado final é o mesmo: é mais um evento ritualístico estranho associado ao CERN.

Fonte: VC

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s