Desvendada a Farsa Jato! Moro está nas mãos da CIA!- Fator Dario Messer

Resultado de imagem para sergio moro CIA

Eu sempre escrevi que a Lava Jato estava atrelada aos Estados Unidos, que foi uma operação montada com a ajuda da CIA, que seguia os mesmos padrões das intervenções americanas pelo mundo, ou seja, uma falsa operação anti-corrupção que no Brasil serviu  para incendiar as massas ou a classe média,  o que ajudou a desencadear o impeachment! Podemos citar outras desse tipo como a crise na Ucrânia, Primavera árabe  e mais recentemente as manifestações no Irã.

A dúvida que restava, é o porquê de Sérgio Moro se prestar a esse papel de desestabilizar a sua nação, de satisfazer tanto os interesses internacionais, de não se interessar por outras denúncias que envolvem outros grupos políticos que não seja o PT. E as teorias eram muitas, será que é porque ele seria maçom? Talvez isso tenha ajudado, mas não é a principal causa, será que é porque ele seria Tucano? Isso ajudou, mas também não é a principal causa. A causa principal foi revelada agora pelos jornalistas investigativos Wellington Calasans e Romulus Maya, que moram na Europa e fazem um hangout com convidados todas às manhas na plataforma do Cafezinho e do youtube, o nome do programa é duplo café.

Foram os citados jornalistas, que possuem fontes em agencias de inteligências européias, que deram os primeiros furos das declarações de Tacla Duran sobre Sérgio Moro. Agora eles trazem mais revelações, a principal seria de que Sérgio Moro protege desde a as investigações do Banestado, um doleiro de nome Dario Messer, mas antes de falarmos sobre o doleiro, lembraremos o que foi o caso do Banestado.

Resultado de imagem para escandalo do banestado imagensO Escândalo do Banestado, como é conhecido, é de longe o maior caso de corrupção da história brasileira, envolvendo o alto escalão tucano no final do Governo FHC, e também empresas, entre elas a Rede Globo. Era um esquema de Lavagem de dinheiro em que envolveu pelo menos 134 bilhões de dólares. Foi o primeiro grande caso do juiz Federal Sérgio Moro, que prendeu apenas piabas e inocentou os tubarões, inclusive a Rede Globo. Lembrando que Sérgio Moro foi colocado já no final do caso para a operação abafa. Vejamos um trecho da Reportagem de Renan Antunes de Oliveira, explicando o escândalo do Banestado:

“Políticos e empresários usaram doleiros e laranjas para remeter dinheiro para paraísos fiscais entre 1996 e 2003, burlando o sistema legal de remessa pelas contas internacionais conhecidas como CC5 (por isso também conhecido como Escândalo das CC5). O MPF em Foz do Iguaçu descobriu a fraude porque a agência local do Banestado enviou para a agência de Nova York cerca de 30 bilhões de dólares – o total com outros bancos chegou aos 134 bilhões.”

(…)Foram flagrados com remessas ilegais os políticos Jorge Bornhausen, José Serra, Sérgio Motta (já falecido), Ricardo Oliveira (operador nas campanhas de FHC e José Serra) e até o jovem Carlos Alberto Richa (Beto Richa), hoje governador do Paraná, que remeteu 1 milhão de dólares. Quase todos eram da cúpula do governo FHC. O doleiro Youssef foi preso e tornou-se delator pela primeira vez. O trabalho do procurador e do delegado deu base para a abertura de uma CPI, em 2003.”

A mídia promoveu boicote depois que foram apresentados documentos de remessa ilegal de dinheiro pela Rede Globo, Editora Abril, RBS e Correio Braziliense. No front político, a investigação do Banestado morreu na CPI. No front jurídico, o MPF e a PF foram esvaziados, perdendo poderes. Ainda em 2003, quase no final, um novo juiz assumiu o caso: Sérgio Moro. Mas as investigações não avançaram.”

Entretanto, todos os fatos que escrevi até agora, já não são tão novidade por quem se interessa por pesquisar sobra a Lava Jato! São fatos não colocados na grande mídia, é obvio, e que os chamados “coxinhas” insistem em não querer enxergar!Resultado de imagem para Rede globo e moro

As novidades que Calasans e Romulus nos trazem é que para acontecer essa “operação abafa” foram pagos de propina para membros do judiciário de todos os escalões a fatia de 0,8 por cento de todo o montante enviado para o exterior, o que daria mais de 1 bilhão de reais! A partir, de então, segundo os jornalistas, Sérgio Moro passou a ser refém das agências de Inteligência Americana, que o usariam como quisessem. Vale lembrar que um dos maiores interessados nessa operação abafa do Banestado, eram os agentes do Mercado Financeiro, que poderiam ver a economia brasileira implodir com prisões dos principais envolvidos. Nessa esteira o próprio PT que iria iniciar o governo Lula, também consentiu nessa operação abafa, também com medo da quebra da economia brasileira, justamente naquele momento em que iria iniciar o seu governo.

Vejamos o que diz Romulos Maya:

“Segundo fonte nossa na comunidade de inteligência europeia, os “operadores” do enterro do escândalo do Banestado – de longe o maior caso de corrupção de todos os tempos: mais de 134 bilhões! De dólares! – teriam recebido 0,8% desse montante para operacionalizar o “desmonte”. Por óbvio, entre os “coveiros” necessariamente se encontravam membros do Judiciário. Os “operadores jurídicos” do “enterro” também teriam, portanto, entrado no rateio desse butim.

Ou seja: 0,8% dos 134 bilhões de dólares.

Nada menos que 1.072 bilhão de dólares!

Vale lembrar que o juiz Sergio Moro, na qualidade de juiz de instrução, presidia as investigações então.”

(…)E foi assim, através da “fortuita” (?) – e claramente marginal! – participação de Yousseff num esquema de décadas, que a jurisdição sobre a Petrobras (“carioca”) foi atraída para alguém que os americanos já tinham no Bolso: Sergio Moro, o juiz do Paraná.

(…)Yousseff que, figurinha carimbada no submundo dos doleiros, pode até mesmo ter sido plantado no “esquema” que rolava na Petrobras.

Pensem comigo:

– De repente, as múltiplas estadias de Moro nos EUA – após o enterro do caso Banestado – podem ganhar um novo significado, não é mesmo?

Os tais cursos de “treinamento” em “lavagem de dinheiro”, para além da fachada – que provavelmente até existia, deviam contar “ademais” com, digamos… hmmm… “cadeiras” e “créditos” suplementares – clandestinos! – ministrados pela inteligência americana.

A propósito, vale lembrar que mesmo hoje, num mundo em que não há como garantir sigilo absoluto de comunicações remotas (nem mesmo de chefes de Estado), as mais que frequentes idas de Sergio Moro aos EUA sempre chamaram a atenção do público atento ao noticiário da Lava Jato. O álibi de “palestras” – pagas não se sabe por quem… – pode perfeitamente mascarar o verdadeiro objetivo: o recebimento, seguro, de instruções. Bem como de “dicas”, documentos e gadgets de espionagem.

(como, por exemplo, aquele que, em um par de horas apenas!, triou e degravou o grampo – ilegal – na conversa entre

 a Presidente Dilma e o Presidente Lula?

Quando, na sequência, o “juiz” Sergio Moro entregou – ilegalmente! – o seu login e senha no sistema da Justiça Federal ao jornalista Matheus Leitão, filho da também jornalista Miriam Leitão, para que Matheus, no lugar de Moro (!), fizesse o login e baixasse o áudio, para que esse fosse, ato contínuo, transmitido ao vivo na Globonews, causando grave perturbação da ordem pública?

Inclusive com “populares” (sic) cercando o Palácio do Planalto e ameaçando invadi-lo?)

E não para por aí, os

Resultado de imagem para alberto doleiro imagens

jornalistas investigativos, dizem que a chave para desmascarar de uma vez com a Lava Jato é o maior doleiro do Brasil o Sérgio Messer, que foi poupado de todas as investigações por Sérgio Moro desde Banestado passando por Mensalão e Lava Jato! Messer teria sido por muito tempo o doleiro da Rede Globo. Segundo Romulus:

Segundo matéria da Folha de São Paulo da época do escândalo do “Mensalão”, Messer teria enviado ilegalmente ao exterior ao menos USD 1 bilhão – somente de 1998 a 2003!

Isso mesmo: Polícia Federal e MPF encontraram movimentação de (ao menos) USD 1 bi! E isso apenas durante 5 dos longos anos da carreira do doleiro, que herdou o “negócio” do pai – esse último já quase centenário.

Vale lembrar que, assim como no caso “Banestado”, apesar de novamente denunciado, Dario Messer, “estranhamente”, mais uma vez passou ileso – quase incógnito – pelo “Mensalão”.

Ironia: no “Mensalão”, mais uma vez, os nomes “Messer” e “Moro” voltam a se cruzar. Ainda que tangencialmente. Isso porque o juiz paranaense participou, como assistente, do julgamento no STF. Diz-se mesmo que teria chegado a redigir votos da Ministra Rosa Weber. Inclusive aquele, escandaloso, que condenou José Dirceu – sem provas – sob a alegação de que “a doutrina [a literatura jurídica] assim permite”

Em 2015, no início da Lava Jato, Messer muda-se para o Paraguai. Nesse país, muito próximo do atual Presidente, goza de “santuário”.

Pergunta:

– Terá sido Messer alertado por alguém da Operação Lava Jato a fazer essa sua mudança – repentina – para o Paraguai?

Chegamos então a 2017 e a novo escândalo: o FIFAgate. Mais uma vez Messer é “estranhamente” poupado. Para além de menção solta na imprensa esportiva, não houve nenhum destaque para o fato de representantes da gigante Nike terem mencionado o nome de Messer em depoimento ao FBI, nos EUA, em agosto de 2017.

Notem que, ao longo dos anos, Messer seguiu operando sem ser incomodado pela Justiça americana – seja no Brasil, seja no Paraguai. Vale lembrar que no país de residência atual, o Paraguai, até base militar americana há!

Homem bomba, Messer é o maior pesadelo de Sergio Moro. Fonte primária nos revela, por exemplo, que nas reuniões de cúpula da Odebrecht, ainda no início da Lava Jato, dizia-se que havia alguém que, com muita facilidade, poderia parar Sergio Moro em dois tempos.

Não outro que… – … Dario Messer!”

Imagem relacionadaNota-se agora que a Lava Jato quer dar holofotes a um outro doleiro, o tal do Juca Bala, que as verdadeiras informações dizem que é apenas um peão do Messer! Cortina de fumaça, para não se chegar em Messer?

Concluo lembrando a frase de Lula dizendo que o STF estava acovardado perante as arbitrariedades da República de Curitiba, Teria sido apenas palavras soltas, inferências, ou Lula se referia a tudo que foi exposto nesse texto e que ele deveria saber muito bem?

Fontes:

http://www.romulusbr.com/2018/01/sergio-moro-dario-messer-o-doleiro-o.html

https://www.conversaafiada.com.br/politica/banestado-ali-comecou-o-nao-vem-ao-caso

Anúncios

Marco Feliciano: Temer será julgado por Moro! Kkk só rindo deputado!

Resultado de imagem para aecio temer e moro

Marco Feliciano depois que virou fã de Astrolavo de Carvalho e considerá-lo como profeta, depois de elogiar o bruxo Paulo Coelho, parece que encapetou de vez ao ficar do lado do satanista Temer! Ou seja, está cada vez mais afastando o Espírito Santo da sua vida. Ao mesmo tempo em que justifica seu voto a favor de Temer, ele pede que evangélicos e católicos se unam numa tal “luta política”! Só ta faltando ele encabeçar a campanha católica pros evangélicos voltarem para o Romanismo! Coisa que está sendo feita nesse ano que completa 500 anos da Reforma protestante.

As desculpas para ficar ao lado de Temer são aquelas velhas: “Não podemos parar o país”, “É melhor para o país”, “Temer vai ser investigado em 2019”, “Não podemos favorecer o PT”, E a última agora é dizer que Temer será julgado por Moro! Kkk Faça-me rir!! Já viram a fotinha da turma de Temer com o Moro? São conversas que estão enganando cada vez menos, o que vimos na última votação, foram os deputados votando de cabeça baixa a favor de Temer, alguns levantaram as mesmas desculpas de Feliciano, só que não cola mais!

A verdade é que o país está em grande recessão e crise de emprego, por isso a inflação está caindo, noventa e tantos por cento da população está contra esse governo, mas daqui uns dias Marco Feliciano levanta uma bandeira anti-esquerdista do tipo anti-gaysista e obtém seus votos novamente e volta em 2018! O povo gosta de ser manobrado!

Sérgio Moro não quis ouvir as denúncias de Cunha sobre Temer?

O juiz “imparcial” ídolo dos coxinhas o Sérgio sem provas Moro terá de explicar as falas de Temer que relembrou o acontecimento que a mídia não fez questão de repercutir que foi o cerceamento ou abafamento das perguntas de Cunha e sua defesa que incriminariam o presidente Michel Temer! Moro não deixou Cunha falar e utilizou o seu jargão já conhecido “isso não vem ao caso”! Sérgio Moro um dia pode ser acusado dele mesmo estar obstruindo a Lava Jato! Assistam:

Começou o Golpe dentro do Golpe!

Resultado de imagem para cupula do pmdb odebrecht imagens

A globo já abandonou o Michel Temer, seus noticiários já gastam valiosos minutos para criticar o governo! Gilmar Mendes já tinha dado o recado para Sérgio Moro começar a acabar a Lava Jato!  E assim os Tucanos trabalham por via indireta para eleger um presidente cujo o mais cotado é FHC!

Veja mais:

Sergio Moro pede afastamento após a Lava Jato para estudar nos EUA. O que Moro fará nos EUA depois de possivelmente prender Lula e cumprir a missão?

Resultado de imagem para Tio sam imagens moro

Previsão é que juiz viaje apenas no final de 2018.

Fornecido por New adVentures, Lda.

(30/11/2016) – O juiz Sergio Moro pretende se licenciar das suas atividades para passar uma temporada estudando nos Estados Unidos. Contudo, ele não deve viajar antes do término da Operação Lava Jato, que é previsto para o fim de 2018 ou começo de 2019. As informações foram divulgadas pela colunista Mônica Bergamo na Folha de S. Paulo.

A secretária do departamento de ciências jurídicas da Universidade Federal do Paraná (UFPR) confirmou que o magistrado pediu afastamento também das suas funções na instituição, onda leciona direito processual penal.

No entanto, pela sua assessoria de imprensa, o juiz negou que irá estudar nos Estados Unidos. Confirma apenas o pedido de afastamento da UFPR.

Colegas da universidade informaram que Moro quer se dedicar exclusivamente à fase final dos processos na Lava Jato, por isso vai interromper as suas atividades na UFPR. [FONTE: MSN]

O que Moro fará nos EUA depois de possivelmente prender Lula e cumprir a missão?

Alistar-se na CIA?
Estagiar no FBI?
Assinar a ficha do Partido Republicano?
Investigar a Hillary?
Naturalizar-se?
Mandar a PF buscar o Snowden na Rússia?
Marchar com os cubanos de Miami?
Tucanos? It’s out of the question!

Mais:

https://exateus.com/2016/09/18/por-que-o-juiz-sergio-moro-viaja-tanto-aos-eua-meu-deus/

Por que o juiz Sergio Moro viaja tanto aos EUA, meu Deus?

A SERVIÇO DO TIO SAM: Wikileaks vaza bilhete sobre cooperação entre o juiz Sergio Moro e EUA

EUA estão por trás da Lava Jato, investigação que paralisou projetos estratégicos

RECENTE CRIAÇÃO DA CIA: A REVOLUÇÃO DO PATO AMARELO NO BRASIL

Enéas Carneiro falando sobre privatizações e manipulação da mídia- “bem atual”!

DOCUMENTÁRIO BOMBÁSTICO: QUEM PATROCINA O GOLPE NO BRASIL?

Odebrecht e OAS entregam Aécio sem pena na delação – STF determina quebra de sigilo do Banco Rural em inquérito contra Aécio Neves

Resultado de imagem para aécio maçonaria imagens

A jornalista Mônica Bergamo informa que o senador Aécio Neves (PSDB-MG), presidente nacional do PSDB, está sendo delatado “com prazer” pelas empreiteiras Odebrecht e OAS, as duas maiores do País.

“De acordo com integrante da equipe que acompanha as delações, tanto executivos da Odebrecht quanto Léo Pinheiro, da OAS, acham que Aécio colocou fogo na Operação Lava Jato porque imaginava que ela só atingiria o PT. Pouco teria se importado com as empreiteiras”, diz ela. “Recados enviados inclusive por Marcelo Odebrecht, que dizia ser amigo do tucano, teriam sido desprezados pelo mineiro.” Leitura Recomendada:

https://exateus.com/2016/04/17/documentario-bombastico-quem-patrocina-o-golpe-no-brasil/

https://exateus.com/2016/03/25/paladinos-da-etica-estao-no-listao-da-odebrecht-ocultada-por-moro/

Tanto Marcelo Odebrecht como Léo Pinheiro, ex-presidentes da Odebrecht e da OAS, avaliam que o senador Aécio Neves (PSDB-MG) tocou fogo no circo imaginando que a Lava Jato atingiria apenas o PT – e não todo o sistema político brasileiro, levando junto as empreiteiras.

Pinheiro já mencionou a cobrança de propina de 3% nas obras da Cidade Administrativa de Belo Horizonte, nova sede do governo mineiro, e Marcelo também citará Aécio em seu acordo.

O tucano José Serra também estaria sendo delatado, mas com maior parcimônia, segundo a colunista, porque não teria incentivado a destruição das construtoras, como teria sido o caso de Aécio. [Via: PLANTÃO BRASIL]

STF determina quebra de sigilo do Banco Rural em inquérito contra Aécio Neves.

O ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes determinou quebra do sigilo de dados do Banco Rural. A decisão vale para um inquérito que apura suposta participação do presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves (MG), em uma suposta maquiagem de dados para esconder a existência do mensalão tucano durante a apuração da CPI que investigou o mensalão do PT. A decisão foi publicada nesta segunda-feira (17).

O inquérito se baseia na delação premiada do senador cassado Delcídio do Amaral (MS). Segundo Delcídio, os dados fornecidos pelo extinto Banco Rural à CPI dos Correios atingiriam o senador Aécio Neves “em cheio” se não tivessem sido “maquiados” pela instituição financeira.

De acordo com a assessoria do senador Aécio Neves, “as citações [de Delcídio] são absurdas e totalmente descabidas, o que restará comprovado ao final das investigações que contam com todo o apoio do PSDB”.

Na mesma decisão, Gilmar Mendes autorizou, ainda, que sejam utilizadas informações bancárias entregues pelo banco Rural à CPI. O ministro pediu também que o Banco Central envie documentos que possam ajudar a esclarecer o episódio.

Além disso, o ministro do STF autorizou nova coleta de provas, atendendo a um pedido da Procuradoria Geral da República.

Gilmar Mendes também autorizou que a Polícia Federal analise vídeos sobre a suposta retirada de documentos da comissão.

O INQUÉRITO

O inquérito se baseia na delação premiada do senador cassado Delcídio do Amaral (MS). Segundo Delcídio, os dados fornecidos pelo extinto Banco Rural à CPI dos Correios atingiriam o senador Aécio Neves “em cheio” se não tivessem sido “maquiados” pela instituição financeira.

Em seu depoimento, Delcídio disse que, quando a CPI dos Correios autorizou a quebra de sigilo de pessoas e empresas, entre elas o Banco Rural, surgiu “certo incômodo” por parte do PSDB, incluindo o então governador Aécio Neves.

Ainda segundo Delcídio, Aécio enviou emissários à CPI para que o prazo de entrega das quebras de sigilo fosse “delongado”, sob a justificativa de que não haveria tempo hábil para preparar as respostas à comissão.

Conforme o senador cassado, essa “maquiagem” teria consistido em apagar informações “comprometedoras” que envolviam Aécio Neves.

Á época da veiculação do conteúdo da delação premiada de Delcídio do Amaral, a assessoria de Aécio divulgou uma nota à imprensa na qual afirmou que as citações ao nome dele eram “mentirosas” e “que não se sustentam na realidade e se referem apenas a ‘ouvir dizer’ de terceiros.” [Via: PLANTÃO BRASIL]

É difícil assistir como os donos do mundo manipulam a cabeça das pessoas e nações inteiras; por Cibele Laura

por Cibele Laura

Cibele Laura10418977_1483851031832476_7600212253724294934_n

É um jogo que não tem mais saída! Por um lado a Rússia e China (Marxista) por outro EUA e a Banca Sionista (que irá trazer o anti-cristo)! Só Jesus é a salvação!
__________________________
 Pelo velho método de sempre, aquelas malditas famílias laçam os países e destroem qualquer possibilidade da humanidade sair das suas rédeas. Vejam o Brics. O Brasil já é peça fora do baralho. Foi mais fácil do que tirar doce de criança! A nossa presidente, enquanto brigava com os fantoches golpistas, se esqueceu de quem os comanda, sequer citou a intervenção dos EUA em seu afastamento. Entrou muda, saiu calada. Muitos esquerdistas fizeram o mesmo. Poucos entenderam o tabuleiro geopolítico e motivo de Dilma ser removida do caminho. Na última visita protocolar de Dilma aos EUA, ela foi pressionada, era o ultimato com tapinha nas costas, Obama sorrindo, posando de amigo do governo. No Brasil, Moro recebia as ordens para avançar. Eu não sei se Dilma e todo PT são burros ou eles são covardes, mas nenhum tocou no assunto das pressões. A embaixadora dos EUA, aqui no Brasil, já previa a volta do total alinhamento do país com os EUA, ou seja, status de colônia mansa, pacífica, bem longe dos russos e chineses. Se Dilma não o fizesse, Temer faria. O povo, iludido, à direita e esquerda, agiu exatamente como “eles” queriam.

Dito e feito! Todo mundo errou o alvo. Estamos novamente sob tutela de um governo completamente entreguista. Foi tão simples; a Casa Branca sequer comemorou. Brasil é assunto simples, sempre.

O grande objetivo das famílias donas dos EUA é obstar o crescimento independente da China. Elas não querem destruir a China, só não vão permitir q ela seja independente. Para isso, o Brics tem que ser enfraquecido até o fim. Já atacaram a Rússia economicamente. Rússia sobreviveu. Putin é popular e a Rússia contou com a ajuda dos aliados. Então, agora, vão armar mais grupos e governos de países próximos para atacar os russos, belicamente, até os países escandinavos entram na rodada. Triste se os grupos se tornem um problema para a Europa inteira mais tarde, como foi o Estado Islâmico no Oriente Médio. Enfraquecer a Rússia por meio de pequenos conflitos é o que eles precisam, a imagem de Putin se desgasta, o país se desequilibra e bingo! Por mais forte que a China seja, sozinha, ela não pode peitar a oligarquia do FED. O mundo continuará nas mãos deles. Guerras, crises, escravidão. Uns países mais ferrados do que os outros, mas uma humanidade inteira afetada por este sistema improdutivo, destrutivo, em que um grupo se mantém no poder em detrimento de toda espécie humana.

Nós, aqui , no satélite estúpido e rico em recursos, logo logo estaremos como a África. O povo? Bom, o povo é incapaz de ver o futuro, porque sequer conhece o passado, e, como uma barata tonta, sonha com o dia seguinte melhor para seu próprio umbigo, sem ter a capacidade de raciocinar: É de dias seguintes, um após o outro, que a humanidade caminha para a própria cova guiada pelo egoísmo.