Nova Greve Geral que vai parar o país dia 30/06/17

Vem aí Nova Greve Geral de paralisação do país contra as reformas nefastas levadas a cabo pelo Governo Temer que também já está demorando muito em cair! Enquanto grande parte da direita continua parada e até torcendo para Temer, os trabalhadores brasileiros através das centrais sindicais organizam nova greve para tentar barrar a pauta imposta das reformas pelo grande poder financeiro mundial e nacional. Lembrando para quem é novo no canal que eu não sou nem de esquerda, nem de direita, elogio quando tenho que elogiar e critico quando tenho que criticar as duas vertentes que na maioria das vezes são apenas joguetes do globalismo mundial satânico! Assistam:

Anúncios

Se votar não volta!

Se votar não volta é o slogan de um movimento que começa a ganhar corpo nas redes sociais que visa pressionar os parlamentares a não votar a favor das reformas abusivas da Previdência e Trabalhista propostas pelo governo Temer! Mandem emails aos deputados dos seus estados alertando-os “Se votar sim não volta”! Aqui já vai a lista dos deputados do meu estado:

Alberto Filho;
Aluisio Mendes;
André Fufuca;
Cleber Verde;
Eliziane Gama;
Hildo Rocha;
João Marcelo Souza;
José Reinaldo;
Júnior Marreca;
Juscelino Filho;
Pedro Fernades;
Victor Mendes;
Waldir Maranhão.

Atenção! MBL e seus movimentos irmãos irão tentar melar a Greve Geral!

A Mando de Temer e do PSDB o MBL preparou um texto que já circula em grupos de WhatsApp e nas mídias sociais que visa descaracterizar e difamar a Greve Geral do dia 28/04/17. Tentando usar o sentimento anti-pt de boa parte da população, esses grupecos argumentam que o objetivo da Greve Geral é livrar Lula da cadeia e intimidar Sérgio Moro! Nada mais falacioso, o objetivo da greve que não faz acepção de pessoas é protestar contra as Reformas da Previdência, Trabalhista e Governo Temer tbm! Assistam:

Greve geral que vai parar o país dia 28/04/17!

Aviso da greve geral que vai parar o país dia 28/04/17 contra as Reformas da Previdência e Trabalhista que estão sendo impostas pelo Governo Temer goela abaixo dos trabalhadores brasileiros. Categorias como os bancários, servidores do INSS, servidores do Judiciário, professores das Faculdades, do Ensino Médio, agentes penitenciários, motoristas de ônibus dentre outras categorias irão parar dia 28/04/17. Assistam: